Decidir entre um SSD ou HD nem sempre é uma tarefa fácil. Marcas como DellKingston e Corsair oferecem produtos do tipo voltados para diferentes tipos de uso, e é importante saber o que buscar em um novo armazenamento na hora de comprar, considerando seus pontos positivos e negativos. Enquanto os SSDs são mais rápidos para executar programas e iniciar o sistema, por exemplo, os HDs tradicionais chamam atenção pela capacidade.

Em contrapartida, a tecnologia mais recente ainda tem uma oferta menor no Brasil, assim como discos rígidos podem ter maior queda de desempenho a longo prazo. Confira seguir os prós e contras dos diferentes tipos de armazenamento e saiba qual deles é melhor para seu PC.

Antes de comprar um HD ou SSD, verifique se o formato e encaixes são compatíveis com seu PC — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

Antes de comprar um HD ou SSD, verifique se o formato e encaixes são compatíveis com seu PC — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

SSD

 

Prós

 

SSDs prometem ser mais resistentes que os discos HD — Foto: Divulgação/Kingston

SSDs prometem ser mais resistentes que os discos HD — Foto: Divulgação/Kingston

1. Mais rápido

Os SSDs podem ser uma opção interessante para usuários que precisam de maior agilidade e desempenho em multitarefas. Esse tipo de armazenamento guarda arquivos em chips de memória Flash, o que acelera o acesso aos dados ali salvos. Dependendo do modelo escolhido, as taxas de transferências podem chegar até 500 MB/s, podendo ser até 10 vezes mais rápido que um HD de alta performance.

2. Promete durar mais

Os SSDs, também conhecidos como unidades de estado sólido, não possuem discos físicos. Seu funcionamento se dá por meio de componentes eletrônicos, o que leva a um componente mais resistente a danos e falhas a longo prazo. A falta de partes móveis exige menos do hardware, que gasta ainda menos energia para funcionar – além de ficar mais silencioso.

Outra vantagem é o tamanho, já que a ausência de partes mecânicas deixa os SSDs mais compactos, sendo interessantes sobretudo para notebooks e ultrafinos. Além disso, esse tipo de armazenamento deve esquentar menos, também pelo menor desgaste físico ao funcionar.

Contras

 

Apesar da alta velocidade de processamento, preços podem desanimar — Foto: Divulgação/Samsung

Apesar da alta velocidade de processamento, preços podem desanimar — Foto: Divulgação/Samsung

1. Preço ainda alto

Os SSDs ficam disponíveis para comprar em diversas opções de hardware e preços variados. Um SSD SATA convencional de 1 TB, por exemplo, pode ser encontrado por a partir de R$ 754, enquanto uma interface um pouco mais avançada, com padrão NVMe, pode custar cerca de R$ 900.

Já um HD SATA da Western Digital com o mesmo espaço de armazenamento, por exemplo, sai por aproximadamente R$ 289. Portanto, na hora de montar um PC ou realizar um upgrade na sua máquina atual, essa diferença pode ser crucial na escolha de um novo armazenamento.

2. Ofertas mais baixas de espaço

Os preços de um SSD variam muito de acordo com quantidade de espaço interno, e por isso é importante ficar atento à quantidade de armazenamento desejada no PC para evitar gastar mais que o necessário. É bastante comum encontrar versões de 128 ou 256 GB, quantidade suficiente basicamente para instalar o sistema operacional do computador e mais alguns arquivos.

Portanto, se a ideia é aumentar o número de GB disponíveis para guardar arquivos, pode ser mais interessante buscar um HD tradicional ou até mesmo SSDs externos, que podem durar menos e são fáceis de usar.

HD

 

Prós

 

Capacidade de armazenamento e preços baixos fazem do HD uma opção interessante — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

Capacidade de armazenamento e preços baixos fazem do HD uma opção interessante — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

 

1. Bastante acessível

Um dos principais pontos positivos do HD é o preço. É possível encontrar modelos com grande capacidade de armazenamento por preços bastante acessíveis. Um HD de 10 TB da Seagate, por exemplo, é vendido no varejo online por pelo menos R$ 1.969,90, enquanto versões com 2 TB, suficiente para uso doméstico por um bom tempo, aparecem a cerca de R$ 525 no e-commerce.

2. Alta capacidade

Os HDs oferecem diversas opções com boa capacidade de armazenamento a preços competitivos. O componente é indicado para usuários que precisam salvar muitos arquivos pesados, como fotografias, filmes e vídeos.

Outro ponto importante é o desgaste menor em relação aos SSDs, que, apesar de mais resistentes, têm vida útil medida em volume total de dados salvos ao longo do tempo. Ou seja, quanto maior a movimentação de arquivos em um SSD, maior o desgaste, enquanto para HDs esse prazo é corrido.

Contras

 

Maior tempo de resposta e baixa resistência a impactos são pontos fracos dos discos rígidos — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

Maior tempo de resposta e baixa resistência a impactos são pontos fracos dos discos rígidos — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

1. Tecnologia mais antiga

Mesmo com mudanças nas interfaces de transferências SATA, SATA II e SATA III os HDs ainda utilizam uma tecnologia relativamente antiga. Um disco rígido pode apresenta velocidades de leitura e gravação em torno de 150 MB/s a 200 MB/s, enquanto um SSD pode operar em torno de 500 MB/s. Os HDs também são maiores e mais pesados, sendo encontrados em dois formatos: 2,5 polegadas, interessantes para notebooks, e 3,5 polegadas, ideais para desktops. Além disso, são mais barulhentos e consomem mais energia em relação aos SSDs.

2. Menor resistência

Tanto HDs internos quanto externos apresentam uma estrutura frágil. Por se tratar de um componente com peças mecânicas, a ser submetido a impactos ou quedas é possível que o HD sofra danos ou apresente falhas.

No caso de notebooks isso pode ser ainda pior, já que os usuários costumam transportar o computador com frequência. Em alguns casos até movimentar o laptop de maneira brusca pode levar a problemas no HD. Além disso, interferências magnéticas também podem resultar em problemas internos e perda de dados.

Este foi um resumo sobre as escolhas disponíveis, vantagens e desvantagens.

Caso ainda tenha dúvidas, ou precise de suporte técnico para a instalação, contate-nos.

Suporte na Web.

Fonte: TechTudo